domingo, 27 de abril de 2008

HOMEM MENINO

(Regis Fontes)

Às vezes penso ser
Um homem já crescido...
Mas não passo de um homem menino.
Na minha futileza
Penso ser capaz e suficiente.
Porém, o que restou da pureza
Diz que preciso de alguém...
Um sorriso irônico é o que tenho
Quando vestido com a fantasia de homem crescido...
Vida abundante e feliz é o que dispenso
Por não retirar a fantasia de homem crescido
E deixar fruir o homem menino que sou.
Nesse dilema sinto pena de mim mesmo.
Pois como um homem crescido que não sou,
Impeço o menino...
E como um homem menino que sou,
Não deixo de me mostrar um homem crescido que quero ser.

2 Comentários:

regis disse...

Poesias bonitas...

kelita disse...

Oi miiigo!
Nuss! Amei sei blog.
Tá ótimo.
E o melhor são as poesias!
^^

Fica na paz.

BjO*

  ©Template Blogger Green by Dicas Blogger.

TOPO