domingo, 10 de agosto de 2008

DESASSOSSEGO

(Regis Fontes)

Andando no meio da rua no meio do nada,
De repente um tiro, um bala, uma facada...
Hei seu guarda vem me ajudar,
Lugar seguro no mundo não há...

Sentado no banco da praça
Eu quase que me borrava todo com essa desgraça,
Um bandido safado, desocupado,
Que vive de assalto
Chega agora pra me assaltar.
Toma o celular a carteira e ainda quer me espancar.

Hei seu guarda vem me ajudar,
Lugar seguro no mundo não há...

Dentro de casa no meio da calçada
Ta fácil, ta fácil dele te achar.
Corre daí corre de lá.
O assaltante vai te pegar...

Hei seu guarda vem me ajudar,
Lugar seguro no mundo não há...

1 Comentário:

Lucille Torres disse...

Linda poesia... parabéns!!!

  ©Template Blogger Green by Dicas Blogger.

TOPO