sexta-feira, 6 de junho de 2008

MEUS DIAS

(Regis Fonte)

Mais um dia se passou,
E eu como era de se esperar nada aproveitei!
Mais uma flor plantada no jardim do sofrimento...
Mais um dia débil demais para sorrir!
Hoje todos dizem que cresci.

No entanto, lamento-me por crescer demasiadamente torto...
As vãs lembranças do que ainda há de vir,
Fazem meus olhos lacrimejarem.
O sacudir do meu corpo inércia da mente...
A sala que roda o dia que menti!

Meus dias são assim.
Seja o dia dos outros...
Ou seja um dia pra mim!
Observo, observo e observo.

A solidão dos seres nada me interessa,
Ou talvez amenize toda minha pressa de um dia ser feliz!
Porém digo: Hoje não cresci, mais sim envelheci!
Sabiamente hoje aprendi que nessa terra que eu vivo
É impossível alguém não chorar... É impossível alguém ser feliz!

1 Comentário:

flavia disse...

OI REGIS,NAO SABIA DESSE SEU DOM COM AS PALAVRAS.MAIS,FICO FELIZ POR VC...EU PARTICULAMENTE ADORO POESIAS E SENDO LINDAS ASSIM E FEITAS POR UM AMIGO...MELHOR AINDA!DOU OS PARABENS A VC DINOVO!!!ADORO VC!!!

  ©Template Blogger Green by Dicas Blogger.

TOPO