sábado, 7 de fevereiro de 2009

MORRI

(Regis Fontes)

Minha carcaça pálida e fria eu via
Longe ela estava
Como se ela houvesse repudiado minha alma
De longe a olhava

Fria, sem forma, sem vida ou expressões
Ela de longe não fazia nada, nem um movimento!

Não entendi o que acontecia
Naquele dia naquela noite vazia
Tudo estava em trevas
A nebulosidade suspensa

Com todos pranteando
Lágrimas molhando o chão
E ainda com achegada do meu caixão
Percebi
Vida já não havia
Morri.

Seja o primeiro a comentar

  ©Template Blogger Green by Dicas Blogger.

TOPO