sábado, 28 de fevereiro de 2009

NO TEU OLHAR

(Regis Fontes)

Daqui também vejo a lua
Não tão nua quando a tua
Mais sim envolta por paredes
E percebo no meio dessas pedras todas
A beleza
E sua luminosidade
E me sinto também irradiado pelo seu brilho
E conto para ela delírios
E sorrio
Sem que ninguém me veja
Apenas a lua
Enquanto vista da janela do meu quarto, minha
Toda minha
E enquanto a contemplo solitário
Lembro-me do teu olhar extraordinário
Do seu brilho, da sua perfeição
Que mais lindo que contempla-lá estampada nos céus
É vê-la brilhando no teu olhar
Ao alcance de minhas mãos.


  ©Template Blogger Green by Dicas Blogger.

TOPO