sábado, 13 de setembro de 2008

AO CONTRÁRIO

(Regis Fontes)

O que é o certo o que é errado?
Tudo aqui parece ao contrário, eu não entendo.
Quando penso estar certo estou errado
Quando penso estar começando já está tudo acabado

O mundo gira anti-horário
Agente anda para traz como se fosse normal
Pulamos corda enquanto as crianças cheiram cola
Comemos até sair pela venta enquanto uns se fartam do vazio

Procuro alguém com quem possa desabafar
Mas ninguém, nem uma pessoa se quer me escuta.
Falo para o vento sussurros ao relento não levam a nada
Às vezes acho melhor estar perdido do que me encontrar

Quero dormir e não acordar
Para que despertar
E olhar o teto do quarto pela milésima vez
E ainda sim acha estranho e desnorteante?

Quero saltar e voar dentro de mim
Dispersar-me em vans recordações
Enquanto tenho fôlego cantar com toda força dos pulmões
E depois morrer como ser humano insatisfeito e bom brasileiro.

Seja o primeiro a comentar

  ©Template Blogger Green by Dicas Blogger.

TOPO